Há 23 anos, servidores públicos não podiam ter sindicato

Os mais novos não sabem, mas até bem pouco tempo os servidores públicos federais não podiam se organizar em sindicatos.

A legislação proibia associação sindical para funcionários públicos.

A estes cabiam, apenas, as comissões de funcionários, núcleos, associações. E foi assim que o SindCT começou.

Em 1985 foi criada a Comissão dos Funcionários do INPE, a CoFINPE.

Com a promulgação da nova Constituição de 1988, os servidores públicos passaram a ter o direito de se organizar oficialmente em sindicatos.

Um ano depois, em 30 de agosto de 1989, durante uma assembleia ocorrida na sede da OAB, nascia o SindCT. Longa vida ao SindCT!

Parte da história do Sindicato foi mostrada de 15 a 19 de junho de 2009.

O SindCT esteve no Congresso Nacional para apresentar aos parlamentares os diversos trabalhos realizados pelo DCTA e pelo INPE.

É que a história do SindCT por melhores condições de trabalho e salários para o servidor público federal da ciência e tecnologia se confunde com a defesa da Ciência e Tecnologia Aeroespacial para o nosso país.

O SindCT entende que as políticas determinadas para o segmento são centrais para que o Brasil domine a alta tecnologia e essenciais para o desenvolvimento industrial, a soberania e a defesa.

A direção do SindCT tem feito a sua parte. Para que a história do nosso Sindicato se revista de toda a grandeza que carrega a carreira da C&T, é preciso que cada funcionário do INPE e do DCTA faça também a sua parte e participe ativamente das lutas e das conquistas.

Compartilhe
Share this

testando