Promessa de duplicação da SP 99 é antiga, mas seu início ainda é indefinido

TAMOIOS: Governo anuncia cronograma preliminar da concessão

Por Marina Schneider

Foi anunciado em junho, pelo governo de São Paulo, o cronograma preliminar da concessão da Rodovia dos Tamoios (SP 99) e dos Contornos Rodoviários de Caraguatatuba e São Sebastião, que ainda serão implantados.

A duplicação da Tamoios – que é de mão dupla, tem trecho de serra, além de passar no perímetro urbano de vários municípios – é uma reivindicação antiga. A proposta preliminar já foi aprovada pelo Conselho Gestor do Programa Estadual de Parcerias Público-Privadas (PPP).

No dia 30 de junho, o DER protocolou na Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (CETESB) o Plano de Trabalho que dará origem ao estudo de impacto ambiental.


O plano fica disponível para consulta popular durante 45 dias. Em matéria de Filipe Manoukian publicada no jornal “O Vale”, versão da internet, no dia 1º de julho, Roberto Francine, representante da Rede de ONGs da Mata Atlântica afirmou que aproveitará para cobrar um planejamento ambiental mais efetivo do governo do Estado.

Segundo ele é necessário se pensar em um desenvolvimento organizado e sustentável para a região.

“Vamos abrir um diálogo com o governo para que ele não olhe somente a questão da obra. É preciso prever o impacto disso em toda a região do Litoral Norte”, afirmou.

De Caraguatatuba ao DCTA: uma empreitada

Djalma Alves de Araújo é morador de Caraguatatuba e trabalha como auxiliar de escritório no DCTA. Vai e volta de ônibus todos os dias. Frequentemente enfrenta trechos com lentidão. Já fi cou parado na estrada por causa de acidentes e obras. No fi nal do ano a situação se agrava devido ao fl uxo de pessoas indo para o litoral. “A duplicação é importante e pode ajudar muito porque o tempo de viagem vai diminuir”, opina.

Compartilhe
Share this

testando