Segurança e soberania nacional

Segurança e soberania nacional

Soberania nacional pode ser definida como o fato de uma nação optar por seu destino, e por garantir seu território e patrimônio, seja material, intelectual ou cultural. Segurança é o nível de proteção que se deve ou se pode ter. No caso de uma nação é a proteção do território, do seu povo e patrimônio.

Desde o Brasil Colônia, a submissão da maioria de nossos governantes é clara ingerência externa. Nos dias de hoje somos um país com soberania e segurança ameaçadas por ações de outros, atentos às nossas riquezas, capacidade criativa e intelectualidade. Os entreguistas de plantão não hesitam em desqualificar nossa capacidade, submetendo o país a opções lamentáveis. Recentemente a presidenta Dilma e a Petrobras foram espionados pelos governos dos Estados Unidos e Canadá.

Por que espionar a Presidenta? Por suas posições políticas internacionais. Por que a Petrobras? Pelo Pré-Sal, leilões de petróleo e tecnologias em águas profundas. Quando o Brasil criou o Sistema de Vigilância da Amazônia (Sivam), buscava ter um mecanismo de proteção. Regras da empresa estrangeira vencedora eram tais que nossos técnicos não teriam acesso aos programas-fonte nem aos núcleos de controle. Controle ZERO. Ora, que vigilância é esta? Um novo governante cancelou este desperdício de US$ milhões. A mesma situação ocorre hoje com o satélite geoestacionário e de defesa, SGDC, comprado no exterior.

Os técnicos brasileiros não participarão do projeto. Transferência de tecnologia ZERO. Será um equipamento fechado, lacrado e desconhecido de nossos especialistas em defesa. Pode-se por exemplo colocar uma “porta secreta” de entrada e saída aliada a um bom controle de fluxos, tudo devidamente disfarçado. Mais uma vez, poderemos ser espionados e enganados. E que dizer da ACS, parceria com a Ucrânia, sem transferências de tecnologias ou controles de processos, e que devora o dinheiro negado ao VLS do DCTA? E em detrimento da tecnologia que lutamos por desenvolver. A soberania nacional e a segurança continuam no lixo.

Compartilhe
Share this

testando